Pular para o conteúdo principal

Traumas de infância


Quando eu era criança peguei um trauma terrível. Depois de algumas perdas de pessoas amadas cheguei a acreditar que todos que se aproximavam vinham só para bagunçar meus sentimentos e depois partiriam.

E a cada partida eu fui ficando, talvez com mais cacos no coração, mas fiquei. Esse pensamento egoísta era de uma criança de seis anos de idade e a "criança" de dezessete de hoje entende que as pessoas ficam o suficiente para nos ensinar algo.

Mais até eu aprender isso me fechei de uma tal maneira que consegui afastar até quem me queria bem. Privava-me até de brincar na rua por insegurança e medo da despedida. Então, não fazia questão nem de aprender as brincadeiras.

Eu não brincava de esconde-esconde, não jogava bola e até dois dias atrás eu não sabia pular corda, tudo para me manter em uma distância razoável e na minha cabeça segura. Quanta bobagem!


Hoje corro atrás do tempo perdido. Não aprendi apenas pular corda, aprendi que é preciso desapegar. O tempo ajuda a superar tudo, o que deve ficar são os aprendizados que cada um nos mostra ao decorrer da vida. Também é mais fácil se curar quando deixamos outras pessoas ajudar, ficar sozinho não é a melhor escolha a fazer.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Artigos Vários de Psicologia

Olááá Galerinha♥ Tudo bem? Há um tempo escrevi um texto aqui no blog contado que estava cursando Psicologia e a Chiado Editora que é nossa parceira me enviou esse livro cheio de artigos, não é puro amor?

São 87 artigos escritos por Sérgio Resende (formado em Psicologia Clinica) e estão organizados por ordem cronológica de 2007 a 2013. O legal é que são vários temas abordados, por exemplo, antropologia psicanalítica, hiperatividade, perturbações alimentares, complexo de Édipo, psicologia política, psicologia evolutiva, psicologia da religião, psicologia matemática, fobias, criatividade, telepatia e, para além de outras análises do comportamento e funcionamento psicológico humano, Teoria do Tudo em Psicologia e exopsicologia. Não são de mais?
 Eu que estou nessa vibe de estudar as abordagens e assuntos relacionados à Psicologia achei incrível esses artigos. Como são pequenos dá sempre vontade de continuar lendo. Ah e se você tem curiosidade de saber sobre a caracterização psicológica dos p…

Diferença entre esmalte cremoso e cintilante

Olá Galerinha ♥ Tudo bem? Como foi o dia das mães por ai? Aqui comemoramos no sábado porque minha mãe estava de plantão no domingo. Enfim, esses dias eu disse aqui no blog que tinha dificuldades de pintar as unhas porque existem dois tipos de esmaltes e quando comecei só conseguia com o cremoso. Então, vim aqui explicar a diferença pra quem não sabe.

Resenha: Lápis para olhos da Ruby Rose

Olá galerinha♥ Tudo bem? Eu não iria escrever nada sobre esse lápis de olho porque ele é horrível. Sei que é ruim falar assim, mas eu não tenho esse preconceito de usar produtos baratos, têm alguns que são excelentes, mas esse não. Ai pensei em fazer esse post como uma pessoa que viu um produto com o preço legal e quis levar pra experimentar. Amo quando alguém diz pra mim se o produto realmente funciona  então eis me aqui pra contar pra vocês!